ACESSE

"MP leva muito a sério o respeito aos direitos humanos"

Telegram

O vice-procurador-geral da República, Luciano Mariz Maia, comentou hoje o julgamento de denúncia contra Jair Bolsonaro suspenso ontem por um pedido de vista de Alexandre de Moraes na Primeira Turma do STF.

“Não quero antecipar o resultado do julgamento. O que eu quero mencionar é o seguinte: só o fato de um caso como esse chegar ao Supremo Tribunal Federal já sinaliza para sociedade que uma instituição como o Ministério Público leva muito a sério o dever de respeitar os direitos humanos, esta é a mensagem importante”, disse ele, segundo registro do Estadão.

Bolsonaro é acusado pela PGR de se manifestar de modo discriminatório sobre quilombolas, indígenas, refugiados, mulheres e LGBTs.

O vice-procurador geral voltou a afirmar que as declarações do presidenciável têm “todos os elementos de um discurso de ódio racial, baseado no racismo, sendo prática que exterioriza preconceito e incita a discriminação”.

Comentários

  • Carlos -

    Leva tão a sério, que o Lula disse que Pelotas era uma cidade exportadora de veados e o MP nada, e quando disse que as mulheres tinham o grelo duro o MP tambem foi implacável, nada.

  • Helder -

    Enquanto o MP perde tempo, e nosso dinheiro, levando a julgamento no STF essa denúncia, mais de 60.000 brasileiros são assassinados por ano. Vê-se que o MP está muuuuuito preocupado com os DHs.

  • SérgioMoro -

    Ele "levou a sério" quando a Maria do Rosário falsamente o acusou de estuprador? O MP respresentou contra ela? Não, né? Sei... Gentinha manipuladora. Não vão conseguir. O POVO vai vencer.

Ler 43 comentários