MP PEDE ABERTURA DE NOVO INQUÉRITO SOBRE MINISTRO DO TURISMO

Telegram

O Ministério Público Eleitoral de Minas Gerais complicou ainda mais a situação do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, pedindo à Justiça que determine a abertura de um segundo inquérito sobre ele, noticia a TV Globo.

O ministro é acusado de caixa 2 nas eleições do ano passado. Duas novas testemunhas se apresentaram hoje para falar sobre o caso.

As duas mulheres trabalharam na campanha de Álvaro Antônio, que concorreu a deputado federal pelo PSL.

Exclusivo: os pagamentos de bancos e outros gigantes a Lula e a campanhas do PT, segundo Palocci. CONFIRA

O ministro do Turismo já havia sido denunciado pelo MP em outro processo, o que apura o esquema do “laranjal” do PSL em Minas Gerais.

A defesa de Álvaro Antônio disse que a campanha do então candidato a deputado federal seguiu as regras eleitorais e que todos os gastos foram devidamente declarados e aprovados pela Justiça Eleitoral.

Como informamos mais cedo, Álvaro Antônio teria uma reunião com Jair Bolsonaro hoje à tarde, mas o encontro foi cancelado, segundo o Palácio do Planalto, por “ajustes na agenda”.

Comentários

  • Marlin -

    Chega a ser revelador ler os comentários da direita hidrófoba. É um vomitório só. Quanto ódio! Cuidado, que o Deus de vocês tá vendo! KKKKK

  • Antipetralha/Bolsotr -

    Será que o ministro avisou que se for demitido vai querer falar?

  • Antipetralha/Bolsotr -

    Procuradores são concursados e não nomeados por governadores.

Ler 20 comentários