ACESSE

MP quer 337 milhões por fraude na linha 5 do Metrô de SP

Telegram

O promotor Marcelo Milani, do MP paulista, denunciou o ex-diretor do Metrô de São Paulo Sérgio Brasil por fraude na obra da linha 5 (lilás).

Na denúncia, segundo a Folha, Milani pede a restituição aos cofres públicos de um montante de R$ 336,9 milhões.

Delatado por executivos da Camargo Corrêa, Brasil foi acusado de receber a propina por meio da consultoria do engenheiro Gilmar Alves Tavares, também denunciado.

A obra, que custou R$ 4 bilhões, foi lançada em 2008, no governo de José Serra, e foi concluída em 2010, já com Alberto Goldman.

Comentários

  • Wind -

    337 milhões de reais só de restituição aos cofres de São Paulo pela linha 5 do metrô.. Putz.. as fraudes não chegam a ser do top de um governo cabralino, no RJ, mas mesmo assim é muito dinheiro desviado pela corrupção tucana. E José Serra, Goldman?! Cadê eles??

  • #PSDBNuncaMais -

    O quê, Camargo Corrêa pagando propina para membros do governo paulista? Que novidade. Só débil mental, pobre coitado e os pé rapados dos assessores do PSDB que se perderem a boquinha não têm onde caírem mortos, não sabem do que se passa no estado de SP.

  • Mario -

    O Marcelo Milani é uma andorinha que não faz verão em São Paulo, ele vem acompanhando esta obra da linha 5 e do monotrilho há muito tempo e prega no deserto para ouvidos moucos da irmandade.

Ler 7 comentários