Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

MPF abre apuração preliminar sobre obra que beneficia Rogério Marinho

Mais de R$ 1,4 milhão do "orçamento secreto" foi destinado à construção de um mirante ao lado de um empreendimento do ministro
MPF abre apuração preliminar sobre obra que beneficia Rogério Marinho
Foto: Adriano Machado/Crusoé

A Procuradoria do DF abriu um procedimento de apuração preliminar contra os ministros Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional, e Gilson Machado, do Turismo, por causa do direcionamento de verbas do “orçamento secreto”, diz o Estadão.

A investigação mira o envio de R$ 1,4 milhão para construção de um mirante turístico ao lado de um empreendimento privado que pertence a Marinho, em Monte das Gameleiras, no Rio Grande do Norte.

Além da apuração preliminar sobre possível improbidade, o procurador Paulo Roberto Galvão pediu investigações no TCU e no STF.

O procurador cita possível “omissão” do ministro do Turismo.

Marinho nega que tenha sido o responsável por indicar o destino dos recursos.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO