MPF considera “clara a motivação política do ato de Adélio” contra Bolsonaro

Na denúncia contra o esfaqueador de Jair Bolsonaro, o Ministério Público Federal considerou “clara a motivação política do ato de Adélio” Bispo de Oliveira, “pois seu histórico de militância demonstra que já tinha sido filiado a partido político [PSOL] por sete anos, período em que tentou sair candidato a deputado federal”.

O MPF também apontou que ele pedia a renúncia de Michel Temer nas redes sociais, entre outras publicações em tom de protesto, em particular contra a vítima, Bolsonaro.

“Adélio Bispo de Oliveira agiu, portanto, por inconformismo político. Irresignado com a atuação parlamentar do deputado federal, convertida em plataforma de campanha, insubordinou-se ao ordenamento jurídico, mediante ato que reconhece ser extremo”, diz a denúncia.

Você percebeu que a corrida presidencial virou um duelo entre o petismo e o antipetismo? Saiba mais AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. O MPF leu a entrevista de Dirceu a El País? Dirceu diz claramente que o atentado a Bolsonaro foi um erro de cálculo, cometido na data errada, mas que o objetivo era matá-lo! Ninguém leu?????

Ler mais 41 comentários
  1. O MPF leu a entrevista de Dirceu a El País? Dirceu diz claramente que o atentado a Bolsonaro foi um erro de cálculo, cometido na data errada, mas que o objetivo era matá-lo! Ninguém leu?????

  2. Portanto jamais se tratou de um “lobo solitário” como extremistas de esquerda chancelaram-no. Trata-se de um assassino contratado para uma missão por comparsas num ambiente de prévio planejamento

  3. A tentativa de assassinato contra o Bolsonaro tem a cara do Zé Dirceu. Aconteceu na terra de dois ex terroristas, Pimentel e Dilma e investigada por um delegado petista de cateirinha. Coincidencia?

  4. Adélio então foi o louco útil a serviço da orcrim petista e esquerdista em geral? Isso confirma que ele não tinha capacidade intelectual e muito menos material para executar a tarefa! E os manda

  5. Sendo política a motivação fica escancarada a farsa dos “adevogados” de que ele tem problemas mentais. Ele foi pago, isto sim, para matar Bolsonaro. Deu errado o plano do adversário!

  6. Há discordância, né. O psiquiatra da dedes alegou insanidade. Parece contraditório. Se insanidade tem que ir para um manicômio judiciário porque tem risco à sociedade e nunca mais sair

  7. Bem, se a motivação é política, há motivação de políticos pois, sendo um débil mental, o Adélio não pode ser um lobo solitário. De onde se conclui … Bolsonaro NELES TODOS!

  8. Aaa é é? Não digam. ‘Motivação Política’? Noooossa que horror. Gastaram uma grana investigando profundamente pra chegar a essa conclusão fiilosofal? Viva a Polícia Merderal.

  9. Conversa fiada para boi dormir. Saudades das dependências 5 estrelas do DOPS e DOI-CODI. Esse terrorista ia abrir a boca rapidinho entregando os MANDANTES do atentado terrorista.

    1. Com certeza Martins! Guerra não se faz com flores! Terrorista tem que ser tratado como tal! Rapidinho entregava tudo, até a mãe!

  10. Se sair de onde esta sera presa fácil e vai engrossar o número de mortos Celso Daniel .Se for para um manicomio como querem os advogados sera morto.Ele na esta comendo bosta nem rasgando grana,

  11. …Isso, quem tem mais de dois neurônios já sabem, o que queremos saber foi quem está por trás desse atentado político contra Bolsonaro, o líder inconteste das pesquisas? Queremos respostas! B17