MPF denuncia Arthur Virgílio por omitir imóveis em declaração de bens

Arthur Virgílio Neto, prefeito de Manaus e pré-candidato tucano à Presidência, foi denunciado hoje pelo MPF por ter ocultado da Justiça Eleitoral dois apartamentos de luxo, avaliados em R$ 1,6 milhão, registra a Folha.

O MPF diz que a omissão foi deliberada, uma vez que Virgílio publicamente negou ser o proprietário durante a campanha em 2016.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 22 comentários
  1. Apartamento de luxo q custa 1,6 milhão de reais???? Tão de sacanagem, um quarto e sala de frente pra praia na zona sul do Rio custa isso e não é nada luxuoso, só bem localizado…tem gente nesse site q diz uma coisa mas faz outra, ou seja, faz o jogo sujo pró-Geraldo Alckmin…deplorável!!!

  2. Dois apartamentos de luxo por apenas R$ 1,6 milhão ???? Em qual localidade????
    No mínimo, dependendo do lugar, estão sub-avaliados.
    Apartamentos de luxo custam muito mais do que isto.

  3. Quem sai aos seus não degenera ! O cara é aspirante à vaga de candidato presidencial ! Como o “cacique-mor” do partido(ou quadrilha) também o é , porém é DELATADO pela odebrecht como Receptador de Propinas ,modalidade cunhado; então , nada mais justo que qualquer aspirante possua um “rico atestado de antecedentes criminais”… Impressionante é a paixão antagonista pelo Banditismo do psdb…

  4. Bastou o tucano falar que quer ser presidente que o MPF foi em cima!
    http://revistapress.com.br/v15/index.php/manoel-pastana-o-ministerio-publico-federal-foi-aparelhado-por-procuradores-de-esquerda-para-proteger-o-pt/

    1. Em parte você está certo. O MP e MPF SEMPRE foram aparelhado pelo PT. Basta reparar nas atitudes dos procuradores no recente caso do MAM.
      Mas é claro que o PSDB merece todas as desgraças .