MPF denuncia Joesley sob acusação de corrupção

O Ministério Público Federal denunciou Joesley Batista e Francisco de Assis, da JBS, sob as acusações de corrupção ativa, lavagem de dinheiro, violação de sigilo funcional e embaraço de investigação, informa a Folha.

A denúncia, apresentada em 27 de abril e mantida sob sigilo, rompe a blindagem concedida pela PGR aos executivos no acordo de delação premiada assinado há um ano.

A peça do MPF também acusa o procurador Ângelo Goulart Villela de receber ajuda de custo da JBS para vazar informações internas da Procuradoria do DF para os investigados.

Também foram incluídos na denúncia o presidente da OAB-DF, Juliano Costa Couto, o advogado Willer Tomaz e o publicitário André Gustavo Vieira.

“No documento, os procuradores afirmam que o grupo ocultou e dissimulou propina recebida entre 21 de fevereiro e 2 de março de 2017 como contrapartida de benefícios oferecidos à JBS, então alvo na Operação Greenfield”, escreve o jornal paulista.

Mais lidas
  1. Huck 2026?

  2. Bolsonaro contradiz governador do AM e alega que governo não foi informado de falta de oxigênio

  3. Bolsonaro: leite condensado é para 'enfiar no rabo' da imprensa

  4. Estudante de direito é preso com 3 mil pés de maconha

  5. Emendas extras liberadas pelo governo beneficiam aliados de Bolsonaro

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 9 comentários
TOPO