ACESSE

MPF mantém investigação de presentes a ex-presidentes

Telegram

O MPF anunciou que vai prosseguir com as investigações envolvendo Lula, FHC, Fernando Collor e Itamar Franco (que morreu em 2011) por “possível apropriação indevida de bens públicos”.

A continuação da investigação foi determinada pela maioria dos membros que compõem o Conselho Institucional do MPF, em sessão nesta quarta.

O inquérito civil apura se houve atos de improbidade na apropriação particular de presentes recebidos pelos então chefes de Estado em visitas oficiais.

Para o relator, o subprocurador-geral Mario Bonsaglia, a Constituição define claramente que os bens pertencem à União. Se forem identificadas irregularidades, o MPF promete agir para que o patrimônio público seja ressarcido.

 

Comentários

  • TRISTEZA -

    Nossa que CORJA! Bandido é Bandido, não escapa nada fizeram a LIMPA no país.

  • Daisy -

    Decisão perfeita!!! Se o sujeito que ocupa o cargo mais alto da nação se sente à vontade para se apropriar do que pertence à União, todo os demais cidadãos irão considerar isto natural. Precisamos de punições didáticas...

  • Álvaro -

    Está certo isso! O patrimônio não é dos ex-presidentes, é da União! Quem levou, tem que devolver! Safados!!!

Ler 13 comentários