MPF quer devassa na Funcef

O procurador Anselmo Henrique Cordeiro Lopes abriu inquérito civil para investigar a cúpula da Funcef por improbidade administrativa.

Lopes se baseou em auditoria interna da Caixa que apontou indícios de que investimentos do fundo foram direcionados ao “favorecimento de empresas determinadas”. Como se sabe, o resultado foi um rombo de proporções bilionárias no fundo de pensão dos servidores da Caixa.

Lopes pediu o compartilhamento de informações com a CPI dos Fundos de Pensão.