MPF questiona Butantan sobre recebimento de insumo

MPF questiona Butantan sobre recebimento de insumo
Foto: Reprodução/Instagram/Instituto Butantan

A subprocuradora Lindôra Araújo perguntou ao presidente do Butantan, Dimas Covas, quando o instituto receberá da Sinovac o Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), necessário para a produção da Coronavac.

A mesma pergunta foi feita à Fiocruz, que depende do insumo para produzir a vacina de Oxford contra a Covid-19, que também já tem autorização da Anvisa para uso emergencial. A fundação respondeu que deverá receber o material no dia 23.

No ofício enviado a Dimas Covas, Lindôra Araújo também questionou qual a expectativa de produção da Coronavac para o primeiro semestre e para todo o ano de 2021.

“A resposta oficial do instituto – quando for entregue ao Giac [Gabinete Integrado de Enfrentamento da Pandemia Covid-19] – será analisada e poderá embasar a adoção de providências pelo colegiado”, diz nota divulgada pelo Ministério Público Federal.

Leia mais: Crusoé mostra como a corte do STF volta a ser palco de troca de farpas entre ministros, intrigas e até ameaças após o julgamento da reeleição no Congresso.
Mais notícias
TOPO