MPF-RS quer indenização de R$ 10 milhões de associação que defendeu 'kit Covid'

MPF-RS quer indenização de R$ 10 milhões de associação que defendeu kit Covid
Foto: Marco Santos/Ag. Pará

O MPF-RS entrou com uma ação, na última quarta-feira (28), contra a associação Médicos Pela Vida por defender publicamente o chamado tratamento precoce contra a Covid.

Em um manifesto do grupo divulgado no jornal Zero Hora no dia 23, a associação cita os benefícios do “kit Covid” e menciona os medicamentos de maneira explícita.

“No momento em que dezenas de milhares de casos surgem todos os dias, não podemos ficar de braços cruzados e deixar de tratar esses pacientes, diz o texto.

O MPF alega dano potencial à saúde e dano moral coletivo.

A ação exige o pagamento de indenização no valor sugerido de R$ 10 milhões como forma de reparação.

Leia mais: O início da vacinação no Reino Unido traz esperança para o mundo e dá a largada para a corrida dos políticos pela vacinação em massa em diferentes países.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO