Muito mais que recibos de papel

O Antagonista publicou há quase dois anos informações ainda não esclarecidas pela Lava Jato que envolvem José Carlos Bumlai e seu primo-laranja Glaucos da Costamarques.

Vale a pena lembrar que Bumlai manteve escritório da Usina São Fernando –aquela que quebrou depois de sumir com meio bilhão do BNDES– no mesmo endereço da LLCS, empresa de Lulinha e Luleco, no conjunto 61 do edifício Office Brigadeiro.

Lá também funcionou a Bilmaker 600, de Glaucos da Costamarques, especializada em agenciamento e intermediação de negócios em geral.

Costamarques teve como sócios Fabio Tsukamoto e Otavio Portugal Ramos, que foram sócios de Luleco na ZLT 500, outra empresa de promoção de eventos esportivos.

Quem será que pagava o aluguel das salas?

20 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. A mesma chave que abria o escritório de José Carlos Bumlai em São Paulo também abria as portas do local de trabalho dos filhos de Lula. Lá dentro dividiam a mesma equipe e não há recibo que prove que pagavam aluguel separado ou que o prédio fosse de um dos ronaldinhos do ex-presidente. Bumlai era o “papai” dos filhos do Lula. O que distribuía as mesadas e garantia as despesas. O que recolhia as propinas do Petrolão e fazia a distribuição.Assim que a Lava Jato começou, sumiu o escritório. Se fosse coisa séria teria continuado. Ninguém sabe para onde correram. Nem onde funcionam hoje as tais “empresas” dos Silva.

  2. Se continuasse no local, Bumlai pagaria hoje mais de R$ 11 mil por mês pelo aluguel das salas, que ocupavam pouco mais da metade do andar.Quem viu Bumlai circular pelos dez andares do prédio lembra da forte estrutura que o cercava. Era comum ver o empresário chegar em utilitários blindados, acompanhado de seguranças: — Parecia filme. Ficava gente vigiando a portaria enquanto ele estava lá em cima — relatou um manobrista ao GLOBO.O Fernando Baiano costumava frequentar o local.De outro lado, a família Ramos é muito versátil, com 37 empresas…..E, no endereço, tb uma agenciadora de mão de obra que, antes, ficava em conj habitacional…..

    1. A usina rendia pouco pixuleco. Quando descobriram que a Petrobrás que era a mina de ouro, nove dedos abandonou a usina deixando a usina para outros companheiros do segundo escalão

  3. Nisso vcs são muito bons antagonistas, essa questão precisa ser esclarecida mesmo! Esse laranjal da famiglia lula da silva precisa ser derriçado! Já o dinheiro do BNDEs é outro esquema que precisa ser exposto logo… muito se falou desse esquema muito maior que o petrolao, cadê? Depender de CPI nunca vamos ficar sabendo de nada!

  4. Essas leituras já me cansou. Nada muda. Entra dia, saí dia e tudo é a mesma coisa. Poderiam mudar o disco. Acho que deve existir muitos igual a minha interpretação. Basta!