Mulher de Eduardo Bolsonaro agora diz que errou ao criticar movimento antivacina

Mulher de Eduardo Bolsonaro agora diz que errou ao criticar movimento antivacina
Foto: Reprodução/Instagram/Heloísa Bolsonaro

Heloísa Wolf Bolsonaro recuou na crítica feita ao movimento antivacina, que chamou de “coisa de retardado”.

“Sobre o que falei anteriormente sobre o movimento antivacinação: errei ao emitir opinião sobre algo que, como disse, não conheço (e detesto opinião atoa). Mas agora, como mãe, eu olho para a minha filha e só penso em protegê-la, de todas as formas. Mas não sei sobre o movimento, seus argumentos. Opinei com base no que já ouvi. Se você possui suas convicções, ignore”, disse ela, em nova mensagem publicada no Instagram.

“E não é coisa de retardado, me desculpem. São apenas pessoas que pensam diferentes.”

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 137 comentários
TOPO