Mulher de Queiroz põe tornozeleira eletrônica

A mulher de Fabrício Queiroz, Márcia Aguiar, chegou há pouco à Central de Monitoramento do Estado do Rio para colocar uma tornozeleira eletrônica.

Márcia está em prisão domiciliar com o marido. O ex-assessor de Flávio Bolsonaro está com o equipamento de monitoramento desde sexta-feira (10), quando deixou o presídio.

A esposa de Queiroz ficou quase eu mês foragida. Em 18 de junho, ela era um dos alvos da operação que prendeu o ex-assessor, acusado de participar de suposto esquema de rachadinhas no gabinete de Flávio na Alerj.

Policiais chegaram a realizar buscas em casas de parentes que Queiroz para identificar o paradeiro dela–sem sucesso.

Márcia só foi encontrada no último sábado (11), após o advogado da família, Paulo Emílio Catta Preta, informar que a mulher estava em casa, no bairro de Taquara, no Rio.

A prisão domiciliar foi concedida pelo presidente do STJ, João Otávio de Noronha, na semana passada.

Leia mais: Exclusivo: a casa secreta de Brasília
Mais notícias
TOPO