MULTA DE 6 BI DA ODEBRECHT SERÁ DIVIDIDA

O valor de R$ 6 bilhões, que a Odebrecht deve pagar de multa no acordo de leniência que negocia com Brasil, Suíça e Estados Unidos, será dividido entre os três países.

Pouco mais da metade entrará nas arcas da Petrobras.

Segundo o Estadão, os suíços já pediram a cooperação do Panamá, Liechtenstein e outras jurisdições diante da descoberta de transações financeiras suspeitas nesses países.

“O mapeamento das atividades da Odebrecht pelo mundo já está praticamente encerrado”, diz um advogado em Genebra próximo ao caso.

Faça o primeiro comentário