Na Flip, Bretas defende 'pena de morte política'

Telegram

Marcelo Bretas está em Paraty, participando de um debate sobre corrupção promovido na Flip pelas revistas Época e Vogue.

Para o juiz da Lava Jato, em termos de corrupção, o Rio de Janeiro “seria uma miniatura do que pode estar acontecendo em nível federal”.

Bretas, que condenou Sérgio Cabral por vários crimes, também afirmou que “no caso de administrador corrupto, ele não pode ter uma segunda chance. Se ficar provado que ele fez aquilo, acabou. É como se fosse uma pena de morte política”.

Comentários

  • eliane -

    Concordo plenamente com o juiz Marcelo Bretas. Assim pensarão infinitas vezes antes de lesar o erário.

  • JL -

    Concordo plenamente!!!!

  • Edu -

    Perfeito! Isso já deveria ser realidade. Só aqui um Maluf ou um Cabral pode voltar à vida política após "cumprir" a pena. O Brasil é uma piada e está caminhando para o atoleiro se não mudarmos nosso paternalismo doentio.

Ler 55 comentários