ACESSE

"Não adianta o governador Witzel tentar cooptar deputados"

Telegram

A oposição à Wilson Witzel acha que o processo de impeachment do governador vai andar na Alerj.

“O governador nunca respeitou o parlamento, temos todas as evidências para dar prosseguimento ao impeachment e afastá-lo do cargo”, disse hoje, na reunião de líderes da Assembleia, o bolsonarista Filippe Poubel.

O deputado estadual Thiago Pampolha (PDT) afirmou que o governador “perdeu a capacidade de liderar”.

Jorge Felippe Neto (PSD), que já foi da base de Witzel, afirmou: “Não adianta o governador tentar cooptar deputados. O grito de independência será dado”. Ele não deu detalhes dessa suposta cooptação.

Em outro momento da reunião, Poubel falou que se tratava de cooptação por meio da oferta de cargos na estrutura do Executivo local.

Leia também: Centrão: aliado de Bolsonaro, Doria e Witzel

Comentários

  • Lucia -

    Não sei o que é pior, a ALERJ ou Witzel!! Socorro!

  • Marcelo -

    Até parece que o governador se presta a uma coisa dessas! Tinha mesmo que ser palavras de um bolsonarista msm...palavras ao vento...

  • Musashi -

    Se o Pato Manco faz no Congresso Nacional porque o Witzel não pode fazer? Não que eu concorde com os dois.

Ler 9 comentários