Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Não adianta sair por aí falando qualquer coisa para fingir que está fazendo alguma coisa"

O deputado Júnior Bozzella (PSL) comentou o recuo de Jair Bolsonaro — acertado, na opinião dele — sobre a suspensão do contrato de trabalho por quatro meses durante a crise do novo coronavírus.

“O presidente tem que parar de improvisar. É preciso que ele apresente um plano para estancar a crise e governe o país. Não dá pra ele ficar criando medidas provisórias estapafúrdias. Tem que ter planejamento: é isso que faz um bom gestor”, disse ele a O Antagonista.

Para Bozzella, a esta altura, não dá para publicar medida provisória sem consultar minimamente o Congresso.

“No mundo inteiro, os governos estão investindo em auxiliar o empresariado a manter a economia girando com investimentos, e não colocando o trabalhador com a guilhotina no pescoço. Não adianta sair por aí falando qualquer coisa para fingir que está fazendo alguma coisa, porque quem pagará o preço das escolhas equivocadas do governo, novamente, é o povo brasileiro.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO