Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

'Não é brincadeira', diz Neves, sobre possível recusa de Bolsonaro a depor

Em entrevista ao Papo Antagonista, o ex-ministro do TSE comentou o inquérito aberto para investigar falas do presidente sobre as eleições
Não é brincadeira, diz Neves, sobre possível recusa de Bolsonaro a depor
Arte: Joelto Mata

O ex-ministro do TSE Henrique Neves comentou nesta terça-feira (3) a possibilidade de que Jair Bolsonaro instrua seus assessores a não prestarem depoimento no inquérito administrativo aberto pelo tribunal para investigar ameaças do presidente às eleições.

Em entrevista ao Papo Antagonista, Neves afirmou que o inquérito “não é brincadeira”.

“Todos os demais [funcionários], ao não comparecerem a um depoimento, podem ser conduzidos. Se eu descumpro uma ordem judicial, pode se chegar a uma condução coercitiva desse funcionário que não queira depor. Pode chegar até à apuração do crime de desobediência. Isso não é uma brincadeira de ‘ah, eu querou ou não quero’. Isso é uma investigação administrativa feita por um órgão judicial.”

Mais notícias
TOPO