“Não é derrota, é preocupação”

O futuro chefe do GSI, general Augusto Heleno, disse que a aprovação de reajuste dos salários do Judiciário não pode ser considerada uma derrota do governo de Jair Bolsonaro.

“Não é derrota, é preocupação. Tenho certeza que ele não considera uma derrota, mas é uma preocupação até pelos gastos que foram anunciados. Mas isso tem que ser muito bem estudado. Não dá pra fazer essa avaliação aqui. Isso ele tem que se avaliar, principalmente doutor Paulo Guedes, tem que verificar qual impacto.”

A grande imprensa está atrasada no episódio do convite de Bolsonaro a Moro... Imagine o que ela está deixando de revelar para VOCÊ LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 43 comentários
  1. A DERROTA É DE TODOS NÓS !! Feito por essa turma que está no senado, muito que não se elegeram, foram demitidos das urnas, incluindo seu presidente que colocou em pauta surpresa (bomba).

  2. Já está jogando a toalha, general? De novo a população tem que se mobilizar para que os “meninos”, sempre arteiros, não aprontem demais, não é? Seria tão bom que cuidassem bem da coisa públ

  3. Sempre que o PSDB o resto da oposição, vota desta forma, vota CONTRA o Brasil. Bolsonaro é passageiro, o Brasil não… Estamos fudidos, precisamos reagir pacificamente, não tenho como liderar, ma

  4. Agora vai ser assim até 2026, se algo de bom acontecer, foi obra de um alien benevolente e anônimo, se algo de ruim acontecer… Põe na conta do Bolsonaro!!! Grande mídia e seu fedor asqueroso!!!!

  5. Sugestão para o novo governo: toda vez que for passado para trás pela velha política, venha a público e bote a boca no trombone! Esses políticos venais tem que ser execrados pela sociedade!

  6. O Sr. Bolsonaro ainda não tomou posse, não perdeu nada ainda,o correto seria: a perda é dos brasileiros que pagarão a conta e agrava o triste déficit que será administrado pela próxima admini

  7. Fechando estatais que não servem pra nada e diminuindo o funcionalismo e regalias, compensa um pouco. Mas esse dinheiro seria para a segurança, muito bem vindo. Vinte nove votos norte-nordestinos.

  8. Na Venezuela tambem achavam que não quebrava, pois trata-se do país com a maior reserva de petróleo do mundo. Muitos que acreditavam nisso, hoje estão comendo animais domesticos para sobreviver

  9. CHICO Pinheiro, o engraçadinho da Globo, falou em primeira derrota do governo Bolsonaro. Isso é jornalismo? Foi derrota para o Brasil, arquitetada por Temer e Renan, os novos “amiguinhos” encren

    1. A globo e a velha mídia são um bando de Mentirosos safados, que só querem tumultuar, eles não se importam com a população, só querem click e audiência alta.

  10. Não é uma derrota do Bolsonaro é uma derrota do povo Brasileiro e principalmente do cidadão mais humilde. Uma vergonha. Como se uma vergonha ( auxilio moradia ) justificasse outra vergonha.

    1. Entendo que eh lei mas poderia ser negociado primeiro o cancelamento do auxílio e depois o aumento, noque eles fizeram foi ao contrário, vamos ver se realmente serão cancelados integralmente.

    2. É outra coisa que temos de mudar e de maneira urgente. O repasse tem que ser de 6% do arrecadado. Para que o judiciário e o legislativo continuem mamando temos orçamentos de fantasia.

  11. A derrota é do BRASIL, dos brasileiros, de quem trabalha e paga impostos! O país precisa se livrar desses NABABOS! Gente morrendo nas filas de hospitais, morrendo assassinada nas ruas! VAGABUNDOS!

  12. SÓ sobrou uma opção sentar com TEMER e vetar, deu, agora o TEMER deve mostrar força politica, chamar Bolsonaro pra viajar é coisa de maluco, chama para discutir essa TAMANHA VERGONHA !