Não é uma fatalidade

O bebê baleado dentro da barriga da mãe, na Favela do Lixão, em Duque de Caxias, está sedado e respira por aparelhos. Segundo o secretário de saúde de Duque de Caxias, o recém-nascido está paraplégico.

Não é uma fatalidade, mas o fruto da destruição sistemática de um país.