Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“Não falta oxigênio. O que temos hoje é uma pressão na logística”

“Não falta oxigênio. O que temos hoje é uma pressão na logística”
Edson Aparecido, secretário municipal de saúde

O Secretário de Saúde da cidade de São Paulo, Edson Aparecido, afirmou neste sábado que não falta oxigênio medicinal na capital paulista. 

De acordo com Aparecido, o problema na unidade de atendimento de Ermelino Matarazzo, onde pacientes tiveram de ser transferidos, ocorreu por problema na distribuição do insumo.

Não falta oxigênio. O que nós temos hoje é uma pressão na logística de distribuição. O que aconteceu nesta UPA é que nós estávamos chegando ao limite do tanque que tem na unidade. A nossa equipe solicitou à empresa o reabastecimento por volta de 11 horas da manhã de sexta-feira. A empresa não conseguiu nos atender até o final da tarde, e aí a equipe médica tomou a atitude correta de fazer a transferência dos dez pacientes para o Hospital Itaquera”, disse o secretário à CNN Brasil.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie a o jornalismo independente.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO