Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Não fomos chamados porque não somos centro", diz presidente do PSB

Carlos Siqueira disse que o partido só vai discutir corrida presidencial a partir de janeiro do ano que vem. Parte dos socialistas defende apoio a Lula
“Não fomos chamados porque não somos centro”, diz presidente do PSB
Crédito: Humberto Pradera

Carlos Siqueira, presidente do PSB, disse a O Antagonista que não foi chamado para participar do almoço de ontem da turma do “centro” em Brasília.

“Não fomos chamados porque não somos centro. Somos um partido de centro-esquerda.”

Como noticiamos, discutiu-se no encontro a possibilidade de tentar atrair o PDT e o PSB para o grupo que busca uma alternativa à polarização entre Lula e Jair Bolsonaro em 2022.

O pedetista Carlos Lupi afirmou a este site que topa conversar. Siqueira, por sua vez, reforçou que o PSB não é “partido de centro”.

“Ali é uma reunião de centro e centro-direita. Não somos isso”, afirmou.

Participaram do encontro de ontem representantes do DEM, do Podemos, do PSDB, do PV, do Solidariedade, do Cidadania e do MDB.

Um dos participantes disse a O Antagonista acreditar que o PSB já está fechado com Lula.

“Não vamos falar de eleição agora. Só vamos discutir corrida presidencial no ano que vem”, afirmou Siqueira, despistando.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO