Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

'Não há estudos conclusivos sobre necessidade de dose de reforço', diz Anvisa

A agência reguladora esclareceu que as vacinas já autorizadas no Brasil garantem proteção contra o coronavírus
Não há estudos conclusivos sobre necessidade de dose de reforço, diz Anvisa
Foto: Anvisa

Em nota divulgada nesta quarta-feira (14), a Anvisa afirmou que, até o momento, “não há estudos conclusivos sobre a necessidade de uma dose de reforço ou de uma terceira dose” para os imunizantes contra a Covid aprovados no país.

“Até agora, todas as vacinas autorizadas no Brasil garantem proteção contra doença grave e morte, conforme os dados publicados.”

A agência já recebeu dois pedidos de autorização para pesquisa clínica que buscam investigar os efeitos de uma dose adicional.

O primeiro, aprovado em 18 de junho, investiga os benefícios e a segurança de uma terceira dose da Pfizer. O segundo, autorizado hoje, investiga a eficácia de uma nova versão do imunizante da AstraZeneca em pessoas que também já receberam as duas doses.

Mais notícias
TOPO