Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Não há margem de discussão", diz MP sobre presença de PM em atos políticos

Na última segunda-feira, o coronel bolsonarista Aleksander de Lacerda foi afastado por ordem do governador João Doria
“Não há margem de discussão”, diz MP sobre presença de PM em atos políticos
Foto: Divulgação

O Ministério Público de São Paulo classificou como ilegal a presença de policiais militares nas manifestações bolsonaristas de 7 de Setembro.

Não há hipótese de se poder comparecer, enquanto militar da ativa, do ponto de vista do regulamento em vigor. Não há margem de discussão. Mesmo sem farda e em horário de folga o PM está submetido ao regulamento disciplinar”, disse ao Estadão o procurador de Justiça Pedro Falabella, do Tribunal de Justiça Militar.

Na última segunda-feira, o coronel bolsonarista Aleksander de Lacerda, que convocou colegas para o ato, foi afastado por ordem do governador João Doria.

Após requisição do Ministério Público, o comando da PM também abriu Inquérito Policial-Militar (IPM) para apurar o comportamento de Aleksander.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO