ACESSE

"Não há nenhum indicativo de qualquer falha dos policiais militares"

Telegram

O porta-voz da PM desmentiu que os 13 traficantes mortos numa favela do Rio de Janeiro, na última sexta-feira, tenham sido executados pelos policiais.

Ele disse para a TV Globo:

“O apurado até o momento pela nossa corregedoria indica o contrário do que está sendo relatado. Tínhamos o Disque Denúncia relatando 20 marginais fortemente armados dentro de uma residência. Houve um cerco para tentar abordagem. Houve uma forte reação de marginais para permitir a fuga de outros, inclusive a liderança da guarnição. Diante desse intenso confronto, o resultado todos já conhecem. A liderança da guarnição que se aproveitou desse momento para tentar fugir de dentro dessa casa foi presa pelos policiais que participavam do cerco. Não há nenhum indicativo, dentro das investigações, de qualquer falha dos policiais militares.”

Vale a pena rever o arsenal dos traficantes que foram mortos:

 

Descubra Como Funciona O “Jogo Sujo” do Congresso Veja aqui!

Comentários

  • Ivan -

    Como a ação foi tocada com muita competência, não tendo morrido nenhum agente da lei, essa já é a deixa para acharem que foi execução, chacina, etc. Tivessem uns PMs mortos, e aí talvez se ca

  • Coroinha -

    A morte à bala ou a faca de qualquer cidadão honesto não provoca nenhuma reação. Agora, bandidos mortos .... um problema grave para a polícia! Os valores estão invertidos e a justiça se borra

  • Reinaldo -

    E se houvesse sido uma execução, eu e todo povo brasileiro estaríamos muito satisfeitos, não há melhor meio de tratar com quem escolheu este caminho do crime.

Ler 272 comentários