Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

'Não importa a ideologia: ditaduras são ditaduras', diz Cidadania, sobre Cuba

O partido se posicionou a favor dos protestos contra a ditadura de Miguel Díaz-Canel
Não importa a ideologia: ditaduras são ditaduras, diz Cidadania, sobre Cuba
Foto: Acácio Pinheiro/MinC

O partido Cidadania se posicionou nesta segunda-feira (12) a favor dos protestos em Cuba contra a ditadura de Miguel Díaz-Canel. O país registra as maiores manifestações em defesa do fim do regime nos últimos 30 anos.

O Cidadania, antigo PPS, teve origem no Partido Comunista do Brasil. No entanto, segundo o presidente da legenda, Roberto Freire, “ditaduras são ditaduras” e devem ser combatidas.

“Não importa a coloração ideológica: ditaduras são ditaduras, pouco importa se de esquerda ou de direita e assim são reconhecidas pelo Cidadania, herdeiro do Partido Popular Socialista e do Partido Comunista Brasileiro. Fizemos o que Cuba não fez: reformulamos nosso programa com o início das reformas na União Soviética e o fim do socialismo real.”

Freire diz que as sanções impostas pelos Estados Unidos têm efeitos brutais e são inadmissíveis, mas afirma que elas não justificam a repressão ao povo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO