“Não lembro como paguei”

A homenagem a Dilma Rousseff, ontem à noite, foi realizada no auditório da Associação Brasileira de Imprensa.

O aluguel da sala, segundo a Coluna do Estadão, “foi pago em dinheiro vivo pelo deputado Wadih Damous, que desembolsou 4 mil reais”.

Ele disse:

“Não lembro como paguei e o fiz porque é um ato do meu mandato.”

 

33 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. Picareta, como todo petralha!
    O ato para lamentar sobre o aniversário do impeachment da Anta alcançou a extraordinária marca de 1 compartilhamento após uma hora de transmissão no Facebook!

  2. Não estou votando no BBB, para me submeter a este constrangimento de ficar marcando figuras que nunca se completam ! Voces sabem pelos emails, quem é robô e quem não é ROBÔ! E MAIS, FAZEM 40 MINUTOS QUE ENVIEI MEU ULTIMO COMENTÁRIO E VOCES ME DIZEM QUE ESTOU RÁPIDO DEMAIS? NÃO SOU ROBÔ!

  3. É esse vigarista que quer criar uma CPI para investigar o Sérgio Moro por causa daquela “reportagem” caluniosa da Folha de São Paulo, replicada pelos Blogos sujos do PT e pelo Blog sujo do Reinaldo Azevedo. PQP.
    Que país é esse?
    Pelo visto, os esquemas continuam.
    Pagam em dinheiro vivo e depois não sabem de nada!
    Que um raio caísse e partisse esse sujeito ao meio!

  4. Qual o motivo da homenagem? Quebrar o país? Comprar sucata de refinaria nos EUA? dialogar com o estado islâmico? elogiar o maduro?
    Por menos q isto a presidente da Coreia do sul tá na cadeia.. nesse país de mer.da esse lixo tá aí defecando asneira pela boca,

    .

  5. É Damous que se recebe. Este canalha insulta a República desde o berçário. É óbvio que o dinheiro é roubado. Prestar homenagem à Dilma Rousseff é o mesmo que chutar a cara do povo brasileiro. A búlgara deixou um rastro de destruição (principalmente moral, mas também econômica) que só será consertado em décadas. Se for! Até porque os políticos brasileiros não estão – nunca estiveram! – preocupados com o futuro do país. Só ligam para os próprios futuros políticos, de que forma continuar a sanha de roubar o dinheiro público e se locupletar. Já se passou um ano e outro pilantra Michel Temer nunca fez um só gesto para “detonar de vez” o governo desastroso de Dilma Rousseff. Todos os apaniguados do PT continuam lá, mamando mais que bezerros. Não fosse a compra indecente que Temer promoveu no congresso nacional, o vampiro já teria caído há tempo, pois a classe política só se move mesmo por dinheiro. No Brasil de hoje, não há absolutamente nada para ser comemorado.