ACESSE

"Não, pelo amor de Deus"

Telegram

Eduardo Braga, líder do MDB e da maioria no Senado, disse a O Antagonista que “não tem essa conexão” entre o projeto de abuso de autoridade e os vazamentos envolvendo a Lava Jato.

“Não, pelo amor de Deus. Não tem a menor relação uma coisa com a outra, zero. Desde fevereiro, o Rodrigo Pacheco vem sendo cobrado por todos nas reuniões de líderes para apresentar esse texto. Não tem essa conexão, não vejo essa conexão.”

Pacheco foi avisado de que leria seu relatório na noite anterior à sessão da última quarta-feira da CCJ do Senado.

O hacker que entrou no Telegram das mais altas autoridades da República invadiu mensagens de jornalistas da Crusoé. SAIBA TUDO

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 37 comentários