ACESSE

"Não se pode tratar de maneira hostil, grosseira, o grupo que tem mais de 200 parlamentares"

Telegram

Joice Hasselmann atribuiu as derrotas de Jair Bolsonaro no Congresso Nacional, como a sabatina a Abraham Weintraub, ao líder do governo, Major Vitor Hugo.

Ela disse para a Folha de S. Paulo:

“Foi de fato uma resposta dada ao governo. Houve uma série de declarações dadas por integrantes do meu próprio partido, pelo próprio líder do governo na Câmara, que acabaram irritando líderes aqui dentro.

E aqui dentro só se constrói com diálogo. Não se pode tratar de maneira hostil, grosseira, o grupo que tem mais de 200 parlamentares quando você quer aprovar uma reforma da Previdência que precisa de 308 parlamentares.”

O Comentarista: você com acesso a uma curadoria das melhores histórias e duelos da rede sobre política, com análise exclusiva. CONFIRA AGORA

Comentários

  • Servulo -

    A comunicação do governo é uma verdadeira tragédia. Ninguém, principalmente o presidente, avalia as consequências daquilo que fala. Aquela fala do ministro sobre 'baderna' foi desastrosa.

  • Alberto -

    A base do governo é composta primordialmente por 2 grupos, o da bala e o da bíblia. Incompreensivelmente, o presidente tem trazido à luz justamente propostas que dão ênfase às diferenças. Aí aguente!

  • Jose -

    Esse povo do bolsonaro pensa que o mundo pertence só a eles. Se mensionarem alguma coisa que os desagradam vixe, si tornam animais selvagens....

Ler 130 comentários