ACESSE

"Não se remete notícia-crime para o advogado de defesa"

Telegram

No Senado, Sergio Moro também explicou a mensagem na qual teria indicado a Deltan Dallagnol uma testemunha contra Lula. Ele disse que suspeitas chegavam todo dia a ele como juiz e que seu papel era encaminhá-las ao Ministério Público ou à polícia para investigação.

“Quando se recebe uma notícia-crime, se remete ou ao MP ou à polícia. Não se remete notícia-crime para o advogado de defesa, até porque é fato que vai ser investigado. Essa pergunta contém lá uma indução de que aquilo seria dica. Não é dica nenhuma, é o repasse de uma notícia-crime”, afirmou.

Se referia a uma pergunta formulada pela Folha que indagava se o ex-juiz encaminhou “dicas” à defesa de Lula.

Ataque a Moro e à Lava Jato é fruto de ação hacker ampla e estruturada. Saiba mais

Comentários

  • Rogerio -

    Esses senadores criminosos, todos com rabo preso, só estavam interessados em fazer barulho. São apenas isso : criminosos.

  • ANDRE -

    Esse Moro é f... kkkkk nessa ele matou dois coelhos picaretas com uma cajadada só!!! Toma Gleen e toma FSP!!!

  • Mauro -

    Se fosse um país sério o STF, já teria colocado estes senadores corruptos todos na cadeia, onde é o lugar deles, afinal processos e provas não faltam! Inversão de valores, corruptos fazendo sab

Ler 22 comentários