“Não sei se ajuda ou atrapalha”

A certa altura da reunião com Delcídio Amaral, o advogado Edson Ribeiro diz que encontrou o advogado Kakay num restaurante do Leblon. Kakay queria informações sobre o habeas corpus de Nestor Cerveró, mas Ribeiro não as deu. “Esperei para falar com vocês, não sei se ajuda ou atrapalha”.

O comentário geral é que Kakay é “complicado”, “vaidoso” e que poderia dizer que o habeas corpus era dele (sabe-se lá para qual do seus clientes).

Apropriação de habeas corpus é uma nova categoria do direito.

Faça o primeiro comentário