"Não sou alienado, sou aliado", diz Malafaia, sobre Bolsonaro

“Não sou alienado, sou aliado”, diz Malafaia, sobre Bolsonaro
Foto: Isac Nóbrega/PR

Silas Malafaia encontrou Jair Bolsonaro hoje pela primeira vez desde que o presidente indicou Kassio Marques para o STF.

O pastor havia classificado a escolha de Bolsonaro como “absurdo vergonhoso”. Malafaia tentava emplacar um juiz evangélico para o lugar de Celso de Mello, mas o presidente optou pelo piauiense indicado por Flávio Bolsonaro e Frederick Wassef.

Ao sair do encontro, Malafaia disse que sua visita hoje mostra que ele tem “opinião”. “Eu não sou alienado, sou aliado. Apoio o presidente e discordo dele. Sou tão amigo dele que, mesmo discordando, vim aqui conversar com ele hoje”, comentou.

Segundo o pastor, a reunião no Planalto serviu para ele apresentar a Bolsonaro sua análise das eleições municipais.

“Quem perdeu nessas eleições com força foi PSDB e PT (…). O Bolsonaro não saiu enfraquecido. A eleição de prefeito tem nada a ver com a eleição de presidente. Se fosse assim, Bolsonaro não seria eleito em 2018. Nós falamos sobre isso com o presidente.”

Leia mais: A revista que fiscaliza TODOS os poderes e conta com os melhores colunistas do Brasil.
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 52 comentários
TOPO