Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“Não tem nada de humanitário nessa malandragem”, diz Alessandro Vieira a reverendo

Em sua intervenção na CPI da Covid, o senador expôs várias contradições ao longo do depoimento do religioso Amilton Gomes de Paula
“Não tem nada de humanitário nessa malandragem”, diz Alessandro Vieira a reverendo
Foto: Pedro França/Agência Senado

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) deu um duro recado ao reverendo Amilton Gomes de Paula, presidente da Secretaria Nacional de Assuntos Humanitários, que presta depoimento à CPI da Covid.

Em sua intervenção, Vieira expôs várias contradições ao longo do depoimento do religioso e disse que o reverendo pretendia lucrar ao negociar 400 milhões de doses de vacinas da Astrazeneca, por meio da Davati, para o Ministério da Saúde.

“Humanitário aqui só o cabeçalho. O sr é um consultor que não tem um projeto. Que diz que representa instituições que não o reconhecem. Nada disso daqui é verdadeiro. Tudo atrás de dinheiro”, disse o senador.

“Não tem nada de humanitário nessa malandragem. O objetivo aqui era financeiro”, disse o parlamentar.

“Eu não me comovo com as lágrimas. A oferta de vacinas é mentirosa, o interesse humanitário é mentiroso. Se, em algum momento, o senhor teve conduta cristã, o momento de arrependimento passou faz muito”, declarou o senador.

Assista ao trecho:

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO