ACESSE

"O índio é massa de manobra para extorquir recursos do governo federal"

Telegram

Em sessão da Comissão de Agricultura da Câmara hoje, o deputado Alceu Moreira, do PMDB do Rio Grande do Sul, denunciou o que chamou de “farsa indígena” no Brasil e chegou a pedir a demissão do atual presidente da Funai, Franklimberg Ribeiro de Freitas, que é general do Exército.

“Não temos ativistas a favor dos índios, temos ativistas em favor de uma organização criminosa. O índio é massa de manobra para extorquir recursos do governo federal, de várias políticas públicas. A figura do índio pobre, maltratado, à beira da rodovia é que interessa. É esse índio, por exemplo, que é levado para peças de teatro, para fazer narrativas internacionais, porque a narrativa internacional é que dá legitimidade para que as ONGs internacionais continuem passando vultuosos recursos para esses ativistas.”

O Antagonista lembra que, durante a CPI da Funai, o STF autorizou a quebra de sigilo bancário do Centro de Trabalho Indigenista (CTI), uma associação sem fins lucrativos criada “para que os povos indígenas assumam o controle efetivo de seus territórios, esclarecendo-lhes sobre o papel do Estado na proteção e garantia de seus direitos constitucionais”, conforme o site oficial.

Entre 2004 e 2016, foram identificadas 330 transferências de recursos do exterior para contas bancárias da entidade (veja abaixo), por 39 remetentes distintos. Total: 58,2 milhões de reais.

 

Comentários

  • Francisco -

    A facilidade de permitir a presença de ONG's e estrangeiros nas comunidades indígenas, que não é de hoje, sempre foi um perigo de dominação daqueles povos, colocando-s contra nós. Dar salário para índios, como forma de lhes dar sobrevivência, transformou muitos em alcoólatras. Isso é fato em cidades do norte, como Porto Velho, onde atravessavam o rio e iam beber nas ruas da capital.

  • Giusti -

    Os irmãos Villas Boas eram as pessoas q mais entendiam de índios no Brasil. Orlando dizia claramente q o destino dos índios era a integração à civilização pq, afinal, todos os nossos ancestrais viveram um dia exatamente como os índios viviam qdo Cabral aqui chegou. Isto é o óbvio q essas ONGs e todos os demais q se aproveitam p/enriquecer às custas dos índios não querem q nós enxerguemos. Os índios não tem de viver em uma ilha da fantasia apartados de toda a civilização e vivendo exatamente como viviam há 500 anos. Eles têm de ser integrados gradualmente. Até os ano 70 muitos morreram em epidemias causadas pelo contato com a civilização, ainda existiam tribos isoladas. Hj isso não existe mais, os próprios índios isolados providenciaram o contato por si mesmos por pura curiosidade.

  • Jacqueline -

    Como é sem fim lucrativo essa ONG, hein? Para onde foram esses 52 milhões.

Ler 19 comentários