Negócios entre operadores

Além das empreiteiras, Rodrigo Tacla Duran mantinha negócios com outros operadores investigados pela Lava Jato, informa o Estadão.

Da Treviso, de Julio Camargo, operador da Toyo Setal e agora delator, Duran recebeu R$ 350 mil.

Já uma das empresas de Duran, a Econocell do Brasil, repassou R$ 3,5 milhões para Adir Assad, o Kibe.

Faça o primeiro comentário