Nenhum vestígio de direitos trabalhistas para os médicos cubanos

Em Crusoé, Duda Teixeira traz detalhes do processo movido por quatro médicos cubanos contra a Organização Pan-Americana de Saúde nos EUA.

O documento mostra, entre outros pontos, que os médicos assinavam o contrato um dia antes de entrar no avião e não podiam escolher as cidades em que seriam alocados.

Leia:

Nos contratos dos médicos cubanos, nenhum vestígio de direitos trabalhistas

O inimigo número 1 de Sergio Moro. Leia AQUI

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Jose disse:

    Direitos trabalhistas são para trabalhadores, e não "escravos do Estado", como no caso de Cuba!!!

Ler comentários
  1. Freedom disse:

    De que adianta mover processos se eles já foram para El Paredón quando chegaram em La Havana?

  2. Maria disse:

    Quero ver agora o ativismo do MPT em favor desttes trabalhadores!

    1. Será um ativismo sonoro: ZZZZZzzzzzzzZZZZZZZzzzzzzz

  3. Romeu disse:

    E o MP do Trabalho? Tão zeloso contra empresários e tão omisso com trabalho escravo estatal...

  4. Carlos disse:

    A esquerda só pensa em direitos trabalhistas quando é para empresários pagarem . VERMES !!!

  5. PONTO50 disse:

    DO direito deles era ser soldado - médico-enfermeiro.. escravo. se abrissem a boca seria volta pra casa e bala no peito.

    1. Isso era para as "ofensas menores", pois em casos que o partido considerasse grave o condenado veria a família morrer antes!!!

  6. Noely disse:

    Cuba está realmente monitariamete na merda, menos no Politburo cubano.

  7. Sergio disse:

    E a "inteligentzia" esquerdista não se pronunicia?

  8. Luiz disse:

    O Partido dos Trabalhadores apoiando e sustentando a escravidão. Precisa de mais alguma coisa para entender essa quadrilha?

  9. Juscelino disse:

    Cadê os direitos humanos? com o rabo entre as pernas.

  10. José disse:

    Os caras que saíram daqui vão agora trabalhar no México, Pais que agora é esquerdista também.

  11. patativa disse:

    Isso mesmo! Se é pra mentir sobre o que tem e inventar o que não tem, mandem a Patricia , especialista em jornalismo marrom.

  12. Jackson disse:

    Quem vai noticiar essas coisas? GENTE. Infelizmente precisamos de canais de TV/jornal/ Revista noticiando mais coisas reais, senão continuaremos reféns da mídia vermelha manipuladora.

  13. Jorge disse:

    Grande notícia. Sem concorrência do México e, com Bolsonaro na presidência, o comércio com os EUA vai quadruplicar. Podem ter certeza. Esquerdismo do México, comercialmente será benéfico para

  14. Gazpar disse:

    Para o comunista, o trabalhador só tem direitos no capitalismo, no comunismo o trabalhador só tem deveres!!! Simples assim!!!! Direitos é só para a elite comunista!!!

  15. Gazpar disse:

    Como todo o cúmplice, só vai falar para não "puxar cana longa!!!"

  16. Jorge disse:

    Fato inquestionável. Todo ex empregado ruim será um péssimo patrão. Basta olhar para sindicatos.

  17. Mario disse:

    Pode ser que recebam os direitos pois, pela notícia, a ação foi movida nos EUA e não no Brasil. Aqui, com o viés esquerdista da Justiça Trabalhista brasileira, a chance seria quase zero de ganha

  18. Leandro disse:

    Muitos servidores do SUS - Saúde da Família não têm acesso a direitos trabalhistas como 1/3 férias ou 13 salário. Acontece muito no Nordeste, em plena luz do dia, bem na cara de gestores petista

  19. José disse:

    Nenhum direito trabalhista, quase igual aos EUA por exemplo, mas um monte de gente quer ir para lá.

    1. É que nos EUA há oportunidades, remuneração compatível, acesso a bens de consumo e moradia. Em Cuba só há cana para cortar...

  20. FalaSério! disse:

    "Missão revolucionária" é? Que façam a revolução lá em Cuba, não aqui! Aqui é DEMOCRACIA! Se não está satisfeito, que vá pra lá!

  21. Noely disse:

    E os adevogados cubanos não vão entrar na justiça do trabalho de lá??/ já que a Gleisi diz que Cuba é o verdadeiro ninho do que há de melhor para ,ma população

  22. SPA disse:

    Os Direitos Trabalhistas estavam naquele papel que a Dilma usava .