ACESSE

“Nenhuma irregularidade”

Telegram

Foi o que disse Selma Arruda, juíza aposentada e senadora eleita pelo PSL do Mato Grosso, sobre os documentos do Coaf envolvendo o senador eleito Flávio Bolsonaro.

“As coisas têm de ser esclarecidas em seu tempo e hora. Não tenho conhecimento, não peguei o processo, o inquérito. Fui juíza por 22 anos e aprendi a só formar opinião quando eu vejo as coisas na minha frente.”

Bolsonaro conseguirá 'despetizar' a máquina pública? SAIBA MAIS AQUI

Comentários

  • Carlos -

    Post totalmente idiota. A juíza simplesmente disse - sabiamente - que não tinha elementos para, siquer, opinar por não dispor de elementos do processo. E os Antas, por muito menos, pre-julgam. Aff!

  • Fábio -

    A palavra chave é ATÍPICA. Movimentações de mesma magnitude devem existir em milhões de contas país afora, mas....

  • Carlos -

    Verdade, bela interpretação deve ter sido reprovado na matéria.

Ler 192 comentários