Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

“Ninguém precisa temer o 7 de Setembro”, diz Bolsonaro

Para o presidente da República, atos na Paulista, na próxima semana, terão a presença de 2 milhões de pessoas, um "recorde" na visão dele
“Ninguém precisa temer o 7 de Setembro”, diz Bolsonaro
Foto: Alan Santos/PR

Em solenidade realizada no Palácio do Planalto, Jair Bolsonaro disse que “ninguém precisa temer o 7 de Setembro”. Ele ainda afirmou que a manifestação na avenida Paulista pode ter 2 milhões de pessoas, um “recorde” na visão dele. Foi uma resposta ao presidente do STF, Luiz Fux, que nesta tarde, em discurso na abertura da sessão do plenário, pediu responsabilidade cívica e respeito institucional nas manifestações de rua que estão programadas para feriado da independência. Fux ressaltou que a liberdade de expressão não comporta violências e ameaças.

“Ninguém precisa temer o 7 de Setembro. Pretendo ocupar um caro de som na Paulista que deve ter umas 2 milhões de pessoas. Ao que tudo indica, vai ser um recorde de pessoas”, disse Bolsonaro há pouco, ratificando que as pessoas vão reivindicar “liberdade” ao longo dos atos golpistas da próxima semana.

“Não estou organizando nada para o dia 7, apenas sendo convidado. Mas, se algum integrante da mesa diretora da Câmara, da mesa diretora do Senado, do TCU, do TSE, do TST, do Supremo Tribunal Federal, quiser subir em um carro de som comigo e ver um ou dois milhões de pessoas na frente e quiser fazer uso da palavra, eu garanto essa palavra, declarou o presidente da República, após ato de assinatura de contratos de ferrovias, realizado no Palácio do Planalto.

O presidente ainda afirmou:

“Não podemos ficar refém de um membro do parlamento, um [membro] do executivo ou de um do ministro do STF. Essa é harmonia entre os poderes. E a palavra invoca: liberdade.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO