ACESSE

Ninguém volta para fila do Bolsa Família após coronavoucher, diz secretário

Telegram

O secretário executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys, afirmou nesta sexta-feira (5) que nenhum beneficiário do Bolsa Família vai voltar para a fila após o término do coronavoucher.

Em coletiva, o secretário comentou o repasse de R$ 83 milhões do programa para a Secom da Presidência.

Ele afirmou que a fila de espera para o benefício foi zerada quando o auxílio emergencial foi instituído. Por isso, a transferência de recursos para a Comunicação não teria impacto no Bolsa Família.

“Acabado o período do auxílio emergencial, aqueles que já estavam no Bolsa Família não entram na fila de novo, eles voltam para o Bolsa Família automaticamente. Outras pessoas que estavam na fila do Bolsa Família entraram para o auxílio emergencial. Passado o período do auxílio emergencial, elas vão entrar no Bolsa Família.”

Leia também: O temor da cassação no Planalto

Comentários

  • Marli -

    Que bom !

  • Josué -

    o jeito é contratar o pessoal do bolsa familia pra disparar msg zap, assim mata dois coelhos

  • Josué -

    era para acabar com Bolsa familia, isso é uma vergonha, e essa Secom tbm. foi promessa.

Ler 5 comentários