Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

No Conselho de Ética, Flordelis chora e nega ter mandado matar marido

No Conselho de Ética, Flordelis chora e nega ter mandado matar marido
Reprodução/Câmara dos Deputados/YouTube

Acusada pelo MP-RJ de ter mandado matar o marido, Anderson do Carmo, Flordelis falou ao Conselho de Ética da Câmara na tarde desta terça-feira, 16. Entre lágrimas, a deputada disse ser vítima de uma “perseguição implacável”.

Flordelis afirmou ainda que vive o “assassinato” da própria reputação, “de forma violenta e desumana”, e alegou ainda não ter sido julgada em primeira instância.

LEIA MAIS na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO