ACESSE

No WhatsApp contra Sergio Moro

Telegram

Advogados de réus da Lava Jato e adjacências, alguns deles especialistas em embargos auriculares, estão criando grupos de WhatsApp para criar toda sorte de embaraços a Sergio Moro, acusando-o de parcialidade como juiz e improbidade como ministro.

O grupo “Prerrogativas Suspeição”, daquele causídico que foi fotografado de bermudas no STF, já atingiu o limite de 250 participantes.

Há petistas, tucanos e simpatizantes. Alguns são mais agressivos, outros bancam os imparciais, mas a farinha é do mesmo saco.

O objetivo não declarado é evitar que Moro seja candidato ao Planalto em 2022.

Foto: Adriano Machado/Crusoé

Leia mais: Convite especial: garanta seu acesso à Crusoé e O Antagonista+ e GANHE um ebook sobre Sergio Moro. Clique e saiba mais

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 278 comentários