Nomeações políticas de Haddad em SP incluíram até apadrinhado de Maluf

Fernando Haddad se valeu de nomeações políticas para construir sua base na Câmara Municipal quando foi prefeito de São Paulo, registra O Globo.

“Os partidos que o apoiaram na eleição de 2012 (PT, PCdoB, PP e PSB) elegeram na ocasião 16 vereadores, 29% das 55 cadeiras.

(…) O petista ampliou a sua base ao indicar para secretarias vereadores de legendas adversárias na eleição. Foi o caso do PTB, que havia apoiado Celso Russomanno (PRB), e do PV, integrante da chapa do tucano José Serra.

Haddad chegou a colocar um apadrinhado do deputado cassado Paulo Maluf (PP) na presidência da Cohab. O petista optou por nomear técnicos para o comando das subprefeituras, mas liberou indicações políticas para as chefias de gabinetes e cargo inferiores nas administrações regionais.”

Você quer saber por que o poste de Lula se aliou aos coronéis golpistas? Confira AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 14 comentários
  1. Moro em São Paulo e sei o quando Haddad é péssimo gestor, péssimo político e péssima pessoa. Brasileiro, não queira conhecer este homem, que perdeu no 1º turno a reeleição, um feito inédito

    1. Isso !! Igual Collo, FHC, Sarney, estes que estão todos juntos agora contra Bolsonaro, único que pode mudar o rumo do Brasil !!

  2. Até que enfim os Antagonistas acordaram com o (alto) risco de um governo PT. Vocês seriam um dos primeiros a serem presos, ou acham que a ORCRIM não se vingará dos processos perdidos? TMJ… B17

  3. O PT não é mais puro desde os anos 80! Hoje eles fazem parte de uma Organização Criminosa que visa roubar $$$ público e se perpetuar no poder! Maluf, Temer, Renan, Aécio, Alckmin, Cabral, PULHAS