Nomeado por Bolsonaro é investigado por desvios na Paraíba

Nomeado por Bolsonaro é investigado por desvios na Paraíba
Foto: Reprodução, Facebook

Alvo de busca e apreensão da Operação Poço Sem Fundo, deflagrada pela PF na Paraíba nesta quarta-feira (25), o ex-deputado federal Benjamin Maranhão chegou a ser nomeado por Jair Bolsonaro para o cargo de diretor-executivo da Anater, a Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural.

Maranhão, que deixou a Anater em maio deste ano para disputar (e perder) a eleição para a prefeitura de Araruna (PB), é suspeito de participar de um esquema de desvio de dinheiro destinado à perfuração de poços e instalação de sistemas de abastecimento de água na Paraíba.

LEIA AQUI a reportagem de Fabio Serapião na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

 

Leia mais: A verdadeira sabatina de Kassio Marques.
Mais notícias
TOPO