‘Nós queremos um Brasil sem aborto’, diz futura ministra

Indicada para o comando do Ministério de Mulher, Família e Direitos Humanos do governo Jair Bolsonaro, Damares Alves afirmou que deseja “um Brasil sem aborto”, por meio de políticas que tratem de planejamento familiar.

“Eu sou contra o aborto. Eu acho que nenhuma mulher quer abortar, as mulheres chegam até o aborto porque possivelmente não foi dada uma outra opção”, declarou Damares, advogada e pastora.

“Nós queremos Brasil sem aborto. De que forma? Um Brasil que priorize políticas públicas de planejamento familiar. Que o aborto nunca seja considerado, e visto nessa nação, como um método anticonceptivo”, acrescentou a assessora de Magno Malta.

Os generais acompanham as primeiras ações do futuro governo — e não aprovam tudo... LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 132 comentários
  1. Correta a ministra! Um erro não justifica outro! Não é capaz de fechar as pernas, tome anticoncepcional, use preservativo! Agora, o estado legitimar inresponsabilidade e matadouro de humanos não d

    1. Ops; Agora, o estado legitimar irresponsabilidades(de gente desprovida de bom sizo, e de valores éticos e morais) criando matadouros de bebês, não dá né!

  2. Teria sido favorável a alguns abortos ao longo da historia se tivesse tido a chance de opinar. Por exemplo, se a mãe do Lula e do Dirceu tivessem pedido a minha opinião eu teria incentivado as duas

  3. Poucos crimes são tão abomináveis quanto impedir um inocente de nascer. Aquele pequeno ser fecundado, no momento certo, se ninguém matá-lo, irá nascer, crescer, viver, não virar uma planta.

    1. Se for estupro, sexo sem consentimento da mulher ela pode abortar. Se foi consentido, aí lamento, mas ela gostou na hora, não se protegeu sabendo que poderia engravidar. Aí é ASSASSINATO E PRONTO.

    2. Não existem mulheres presas ou punidas por aborto. pode procurar. O danado é engravidar e depois contratar um matador para resolver o problema. Podia não ter engravidado.

    1. A chamada pílula do dia seguinte tem eficácia de 80% caso a mulher a tome até 72 hs após praticar o ato sexual, mas ela deve seguir prescrição médica. (Pesquisa na web)

    2. Não sou especialista na área nem médico, mas creio q a pílula “do dia seguinte”, ou pílula contraceptiva de emergência ingerida até 72 hs após o sexo não seja abortiva. A eficácia é de 80

  4. As mulheres d modo geral foram enganadas p/ 1 pauta feminazi q exalta a fêmea não a feminilidade, Muito menos a Mulher.Evidencia disso são os artistas fabricados p/o sistema c/ o intuito de erotiza

    1. Podem recorrer, mas é ASSASSINATO e pronto. Nada de liberar, e pior, com dinheiro público, no SUS onde deixa de atender alguém que está morrendo pra atender uma abortista. Ela que se mate então

  5. Religião é uma merda quando se torna sócia no poder de uma nação,o culto a qualquer tipo de religião tem ficar no nível pessoal,e não como assessora de doutrina do estado.Quem deve decidir é

    1. Aborto é ASSASSINATO. Amor à vida é mais do que agendas globalistas revolucionárias meu caro imbecil socialistinha. Bolsonaro foi eleito justamente pra lutar contra essa agenda mundial.

    2. Desde quando defender a vida significa necessariamente culto à alguma religião especifica promivido pelo estado? Esse povo pró aborto parece não ter cérebro. Raciocinam por slogans.

    3. Além do que, não só vc, a maioria confunde crença religiosa com religião. Religião é uma sntonia e acrença pode levar a uma sintonia.è uma evolução de transformação.

    4. As pessoas que ressoam com valores religiosos e cristicos já sabem amar, nos mais diferentes graus, prezam condutas éticas e uma crença religiosa serve para direcionar o Amor ao Criador de tudo que

    1. Olha rapaz, não me surpreende que façam um sacrifício humano ao satã ao qual servem viu., com esta agenda satânica que não respeita vulneráveis.

  6. ESpeculemos;p/ onde vão os fetos?São recolhidos pra onde? Porque esta agenda globalista é tão incisiva qto ao assunto e paga tantos agentes para promove-la? Cia de cosméticos? Fármacos internaci

  7. Doutro lado,agenda globalista promove indiretamente/fomenta sexo sem responsabilidade oq aumenta abortosÉ Portanto 1 pauta q VISA DESUMANIZAR as pessoas,degradar os seus mais essenciais principios

    1. E seremos contra até o fim dos dias. Aceite e pronto. Bolsonaro foi eleito justamente pelo povo conservador que não quer essa agenda de globalismo de revolução. Aborto é ASSASSINATO.

    2. educaçao sexuala nao e sim -LIBERTINAGEM queriam ensinar crianças de 5 anos, te manda pro inferno se bem que nem o demo aceitaria voce

    3. Essa rosa é um monstro. Impressionante a frieza das declarações dessa gente pró-aborto. Quanto mais falam em “amor”, mais exibem sua hipocrisia incomensurável.

    4. Imagine Rosa, vc, prestes a experienciar uma vida neste planeta e um denaturado corta sua chance. Vc não estaria aqui bancando a insensível. Talvez Rosa, esteja no momento certo p/ aprender a amar.

    5. É sagrada para vc, não para mim. Considero sagrados o amor é a liberdade individual de escolha. Pão ou pães, questão de opiniães.

  8. So abortam as putinhas ricas q tem estrutura familiar,q podem pagar.O povao he contra o aborto pq rende bolsa-familia.Essa mule fundamentalista ta chovendo no molhado.Ta comprando briga com as feminaz

    1. A ciência define quando começa a vida, ignorante. E o Código Civil, qdo protege o direito do nascituro, o fez sob critérios científicos. Vai estudar, vai

  9. Questões morais não dizem respeito ao Estado. Valores cristãos devem ser seguidos pelos cristãos e por quem mais o desejar. Criminalizar escolhas individuais é o primeiro indício do totalitarism

    1. Aborto é assassinato, crime portanto. Nada de religioso, é moral sim, é ético, e portanto dentro da lei. Se a mulher quer resolver o PROBLEMA, ue se mate então, pronto resolvido! Ela quer agora?

    2. o q vc quer aqui , -aqui somos bolsonaro e A VIDA começa no momento H da transa- entendeu ou quer desenho na fusao do ovulo e esperma – NASCE uma vida, nao adianta dizer q nao- no fundo voce sabe

    3. Eu deveria ter colocado “vida”, assim, entre aspas, numa tentativa de instigar a capacidade de abrastração por aqui.

    4. Mas de qualquer maneira, essa Rosa é uma esquerdista aqui infiltrada, apenas defendendo o que é conta a direita, sem nem saber porque.

    5. O Código Civil qdo protege os direitos do nascituro no ventre materno o faz sob critérios científicos. Você tem um conhecimento muito precário. Sugiro estudar.

    6. Quem define é a mãe. O próprio Bolsonaro já disse isso. Mas eu também sou contra abortar lá com 8,5 meses. Aborto seria no primeiro e segundo mês. Terceiro talvez.

    7. Além do que, é lógico que questões morais dizem respeito ao Estado. O ordenamento jurídico de um país é constituído sobre o tripé do Direito, da ética e da moral. Vai estudar.

    8. Homicídio não é negociável. O indivíduo não tem direito de escolha sobre a morte de inocentes. O Código Civil prevê a proteção dos direitos do nascituro. Você nem deve saber o que é isso.

    1. O cara que cita Drauzio Varella já deve ser descartado. Depois sobre aborto rico ou pobre. Caro, aborto é crime, é assassinato e pronto. Quer resolver? a mulher que se mate, pronto, ela quer?

    2. nao é legalizad nao = é crime …a mulher q borta rica ou pobre corre o mesmo risco e ta no desespero ninguem aborta dando gargalhada, va estudar antes de vomitar e nao adianta vc nao é mulher

    3. Referente as drogas, sou contra a liberação porque é um desrespeito contra a maioria da população que é contra. Quem é usuário se obriga ter que usar na clandestinidade.

    4. Classes média alta e alta simplesmente pegam um avião e vão abortar na Suíça ou Holanda num hospital alto nível, com toda a segurança.

    5. O caso é que acredito que o governo não vai ir atrás de clínicas clandestinas de aborto. Mas se for, daí o aborto só será proibido também para a classe média.

    6. Vamos seguir a sua lógica: O tráfico já exite, então legalize as drogas, a pitaria já exite então quebre-se o direito autoral e a propriedade intelectual, o contrabando, descaminho, tráfico de

    7. Não é questão de bolsa família. É questão que as pessoas pobres não têm dinheiro para pagar as clínicas de aborto.

    8. Perfeito.Adolescente pobretona da favela nao aborta pq ganha ou pensao ou bolsa-familia.Essa damaris ja comecou mal,ta procurando pelo em ovo p/justificar a indicacao junto aos fanaticos evangelicos.

  10. Não se compreende um ativismo cultural marxista gramscista em q a permissividade e a erotização propagandeada além da sexualidade exacerbada inclusive infanto juvenil queira promover abortismo .

    1. A Não ser que a pauta obedeça aos interesses de algum grupo farmac~eutico mundial que use os fetos para células tronco, comesticos, e outras excrecências. O Lobby é forte mas é desumano. e Se de

    1. Liberdade de cu é rola, Rosa, e encapada pra não acontecer uma “gravidez indesejada” e nem um assassinato de um bebê inocente!

    2. Na Itália, na Espanha e no Canadá não ficam sequelas psíquicas… pq será? Respondo: o sofrimento advém da pressão social para se adequar aos valores adotados pela maioria. Liberdade já!

    1. Concordo 200%. O Estado é laico, a Igreja não pode decidir lei nenhuma. Cada mulher faz o que quiser consigo mesmo, ora. Ninguém tem nada com isso.

  11. Alemanha, aborto permitido. Suécia, Suíça, França, Noruega, aborto permitido. O Brasil continua com tabus dos anos 1950 e agora uma ministra pastora… Daqui a pouco, sexo só dps do casamento

  12. Em democracias estáveis e com ótimo IDH(índice de desenvolvimento humano),o aborto é tratado em leis como um direito da mulher,é ela quem decide se tem ou não condições de ser mãe,não o esta

  13. Por que tenho a impressão que vocês, antas, tentam desmerecer a futura ministra ressaltando tratar-se de uma pastora? Algum problema no fato dela ser uma pastora? Algum problema em crer na Bíblia?

    1. Ué!! Por acaso precisa esconder que ela é pastora? Ela tem vergonha de ser pastora? Falar que é advogada pode, mas que é pastora não?

    1. O antagonista, como tem redatores tucanos, tentam desmerecer a nova ministra que tem boa formação e bons ideais, pegando frases isoladas e chamando ela de assessora do Malta e pastora.

    2. A única aula que tive foi prática e ainda bem que foi assim. Deus me livre de ter visto isso em uma escola ou em um livro. Certas coisas só fazendo se aprende