Nosso Kassio é sem precedentes

A Crusoé esquadrinha os primeiros atos de “Nosso Kassio”, aquele que, segundo Jair Bolsonaro, “se tiver que votar para absolver o Lula, que vote”.

Em menos de dois meses na cadeira de ministro do STF, Kassio Marques “já impôs retrocessos na luta pela moralização política. Com uma liminar concedida num fim de semana, mais precisamente no sábado, 19, ele antecipou o retorno à política de condenados por crimes como desvio de recursos públicos, estupro, homicídio, lavagem de dinheiro, tráfico de entorpecentes, crimes contra o meio ambiente e a saúde pública, ou cometidos por integrantes de organizações criminosas, quadrilhas ou bandos.”

A cientista política Maria Tereza Sadek, uma das maiores referências acadêmicas quando o assunto é o Supremo Tribunal Federal, disse para a reportagem que a vinculação das posições de Kassio Marques às teses de Jair Bolsonaro é sem precedentes:

“Eu estudo isso há anos, mas não me recordo de nenhum outro ministro que tenha tomado tantas decisões em sequência, de forma tão abertamente favorável àquele que o indicou”.

Assine a Crusoé e leia a reportagem completa aqui.

Leia mais: Epidemiologista afirma que, numa previsão otimista, a imunidade global só será atingida em meados de 2023.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO