Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Novo expulsa 'Bartô do Novo'

Em maio, deputado estadual de MG chamou e acompanhou PMs que prenderam, sem mandado, um homem suspeito de jogar ovos contra manifestação bolsonarista em Belo Horizonte
Novo expulsa Bartô do Novo
Foto: Ricardo Barbosa/ALMG

O Partido Novo anunciou nesta terça-feira (27) a expulsão de Bernardo Bartolomeo, deputado estadual de Minas Gerais conhecido como Bartô do Novo.

Segundo nota da sigla, “a decisão foi tomada pela Comissão de Ética Partidária em virtude da presença do deputado em manifestação de apoio ao presidente Jair Bolsonaro em Belo Horizonte (MG) no dia 01/05/21, além de sua participação na prisão ilegal de um cidadão que, supostamente, teria cometido um delito”.

Na ocasião, conforme publicamos, Bartô chamou e acompanhou policiais militares que prenderam —sem mandado— um homem dentro de seu apartamento no centro de Belo Horizonte por suspeita de que ele tivesse jogado ovos contra uma manifestação bolsonarista.

Em nota sobre o episódio, o deputado diz ter sido um dos fundadores do diretório estadual do Novo em Minas e alegou ter ido à manifestação bolsonarista “defender dois dos três pontos que ela tratava: a defesa da liberdade de trabalho e o voto eletrônico, com impressão”.

“Após isso, fui perseguido pelo Diretório Nacional do partido, que a meu ver, é um órgão que não representa em nada o partido e os seus filiados”, acrescentou Bartô.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO