Novo presidente em outubro?

Gilmar Mendes disse ao UOL que o julgamento do TSE contra Dilma Rousseff ainda deve demorar:

“Agora foram citados a presidente e o vice-presidente. Certamente haverá compartilhamento de provas, muitas das discussões estão ligadas à Lava Jato. Se se concluir neste semestre, melhor. Porque esse processo também traz instabilidade política. O eventual desfecho desse processo no sentido da sua aceitação significa a cassação dos mandatos e a realização de eleições”.

O ministro disse também que o novo presidente pode ser eleito em outubro, junto com os prefeitos:

“Em tese, [esse prazo] seria plausível”.

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200