ACESSE

Novo relatório da PF dirá que Adélio agiu sozinho

Telegram

A Polícia Federal apresentará nas próximas semanas seu segundo relatório sobre o atentado a Jair Bolsonaro em setembro de 2018, quando o então candidato à Presidência foi esfaqueado por Adélio Bispo de Oliveira em Juiz de Fora.

Segundo Bela Megale, de O Globo, assim como o primeiro, o novo relatório parcial mostrará que as provas colhidas não mostram a participação de terceiros nem a existência de um mandante para o crime.

A PF ouviu até agora 192 pessoas, entre testemunhas e suspeitos, e a investigação contou ainda com a produção de 23 laudos periciais.

Leia também: Bom jornalismo: a sua proteção contra as fake news. Entenda

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 95 comentários