Nunca tivemos expectativas sobre Maria Thereza

Corregedora do TSE, a ministra Maria Thereza deve encerrar seu mandato, em 30 de agosto, sem ter concluído os processos que pedem a cassação da chapa Dilma-Temer.

O principal deles, a AIME 761, se agigantou com novas descobertas da Lava Jato. Uma nova batelada de documentos e depoimentos de delatores foi enviada por Curitiba.

O Antagonista nunca teve grandes expectativas em relação à conclusão do caso pela ministra. Maria Thereza chegou a arquivar a AIME, depois reaberta por decisão do plenário do TSE.

Esperamos mais de seu sucessor, Herman Benjamin.

Faça o primeiro comentário